17.8 C
Distrito Federal
quinta-feira, 25 fevereiro, 2021 - 07:13 AM

Mais uma escola técnica para Planaltina

Com recursos federais garantidos, governador anuncia ainda que se prepara para licitar construção de 14 creches, uma delas no Arapoanga

Durante inauguração da quadra poliesportiva da Escola Classe 1 do Arapoanga, em Planaltina, o governador Ibaneis Rocha anunciou a construção de mais 14 creches no DF, sendo uma no Arapoanga. Entre as novidades, ele também destacou que vai transformar o Albergue daquela região administrativa em uma escola técnica.

“Conseguimos a liberação dos recursos, que estavam perdidos para as novas creches. A licitação deve ser feita este ano para que a construção comece em 2021”, previu Ibaneis. “Além disto, o albergue, que está fechado há 8 anos, será transformado em escola técnica para atender toda a comunidade”, adianta.

Outro investimento na educação pública foi anunciado pelo chefe do Executivo. Segundo ele, o GDF conseguiu a liberação do Tribunal de Contas do DF para a construção de módulos escolares, que vão ajudar a ampliar a estrutura das escolas com novas salas de aula.

“Há muitas reclamações de pais que têm que transportar seus filhos para escolas longe de suas casas, sendo que temos terrenos de colégios que podem ser ampliados. Conseguimos recursos com deputados federais e a licitação está sendo concluída”, informa.

A pedido do presidente da CLDF, Rafael Prudente, o governador deve destinar mais R$ 400 mil para complementar a emenda parlamentar dele e do deputado Claudio Abrantes. O dinheiro será usado na revitalização no campo sintético de Planaltina.

“Aqui é uma cidade que precisa de equipamentos públicos e quero parabenizar o governo por ter feito tanta coisa aqui, como a nova unidade de ensino no lugar do albergue”, disse o distrital Rafael Prudente. “Conseguimos fazer a liberação de R$ 1 milhão para fazer benfeitorias em escolas de Planaltina”, completou.

Mais recursos liberados

A Secretaria de Educação já liberou nessa semana R$ 5,9 milhões para as escolas da rede pública de ensino de 11 coordenações regionais por meio do PDAF. Os valores são provenientes de emendas parlamentares e podem ser usados para financiar obras e compra de materiais permanentes assim como a pintura ou consertos de telhados e pisos.

Na soma total deste segundo semestre de 2020, incluindo os últimos valores liberados, já foram disponibilizados cerca de R$ 88 milhões para coordenações regionais de ensino e escolas da rede pública por meio do PDAF. Os recursos são da Secretaria de Educação e de emendas parlamentares.

Informações Agência Brasília

Continue Lendo

Redes Sociais

21,582FãsCurtir
0SeguidoresSeguir
0InscritosInscrever
- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

- PUBLICIDADE -