17.6 C
Distrito Federal
sexta-feira, 23 julho, 2021 - 22:14 PM

SOS DF recupera Restaurante Comunitário em Santa Maria

Cada uma das 14 unidades disponíveis no DF oferece refeições adequadas e saudáveis para cerca de 1.500 mil pessoas por dia.

Considerada a principal a bandeira do governo Ibaneis, o SOS DF realizou mais de 41 mil ações emergenciais desde que entrou em operação, no dia dois de janeiro. São trabalhos pontuais, demandados pelas administrações regionais – como podas de árvores e gramados, trocas de lâmpadas e tapa-buraco – que buscam recuperar o Distrito Federal. A abrangência do programa, no entanto, tem sido ampliada com a ajuda de parceiras. É o caso do trabalho conjunto que envolveu a Secretaria de Segurança Pública / Subsecretaria do Sistema Penitenciário do Distrito Federal (Sesipe), por meio do programa Mãos Dadas. Com a ajuda de 11 reeducandos, o Restaurante Comunitário de Santa Maria ganhou novas cores e um ambiente mais agradável para os frequentadores.

“Foram seis dias de trabalho de serralheria, com pintura do piso, recuperação das portas, bancos e paredes, além de reparos elétricos e hidráulicos”, lista o gerente de Administração Penitenciária, Willian Pereira Monteiro. Ele explica ainda que o Programa Mãos Dadas tem como objetivo principal a reinserção social e que a cada três dias trabalhados, a pena é reduzida em um dia.

A reforma foi uma iniciativa de José Maurício da Silva. O voluntário conseguiu a doação de todo o material necessário para a obra com empresários da região e o trabalho, com custo zero para o GDF, foi finalizado e entregue à população hoje, dia 19. “Nem parece o local de antes. A comunidade local fez muitos elogios e cantou parabéns pra você como forma de reconhecer o esforço e a atitude do governo”, relatou.

SOS DF
Passados 70 dias da implantação do SOS DF, a avaliação dos gestores do programa é positiva e o grande termômetro tem sido o retorno da população. “O programa foi criado para tirar a nossa cidade da situação de abandono em que se encontrava, principalmente as regiões mais distantes e carentes. E essas ações refletem diretamente na qualidade de vida da população”, explica o secretário executivo do Conselho Permanente de políticas públicas e gestão governamental, José Humberto Pires, lembrando que o prazo de duração do SOS DF é de 100 dias. As atividades do programa são integradas e envolvem diversos órgãos do GDF, entre os quais Novacap, CEB, Detran, Caesb, DF Legal, Sesipe, SLU e DER.

Sobre os Restaurantes Comunitários
Cada uma das 14 unidades disponíveis no DF oferece refeições adequadas e saudáveis para cerca de 1.500 mil pessoas por dia. Elas funcionam entre 11h e 14h, com preços acessíveis: R$ 1 (um real) para o usuário inscrito no CadÚnico cuja renda familiar per capita seja de até ½ salário mínimo vigente (R$ 499,00) e/ou até 3 salários mínimos totais (R$2.994,00) e R$ 2,00 (dois reais) para o público em geral.

Fachada do restaurante antes e depois da reforma. Imagem: Divulgação

Confira o relatório com as ações diárias do SOS DF.

Relatório diário 2003

Continue Lendo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Redes Sociais

22,042FãsCurtir
0SeguidoresSeguir
0InscritosInscrever
- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

- PUBLICIDADE -