25.8 C
Distrito Federal
segunda-feira, 17 maio, 2021 - 19:34 PM

Visitas suspensas nas Unidades de Internação Socioeducativas

Medida vale por cinco dias. Governo está liberando que adolescentes realizem ligações telefônicas a familiares

Cerca de 800 adolescentes infratores não poderão receber visitas nos próximos cinco dias nas sete unidades de internação socioeducativas do Governo do Distrito Federal.  A medida segue as orientações do Plano de Contingência contra o Covid-19 e foi publicada ontem (18) em edição extra do Diário Oficial do Distrito Federal (DODF). Os menores, no entanto, poderão ter notícias da família por meio de ligações telefônicas semanais.

A determinação atinge diretamente as unidades de Planaltina (UIP); do Recanto das Emas (UNIRE); de Saída Sistemática (UNISS); de Santa Maria (UISM); de São Sebastião (UISS); a Provisória de São Sebastião (UIPSS); e a de Brazlândia (UIBRA).

A suspensão das visitas, segundo a secretária da Secretaria de Justiça, Marcela Passamani, visa “preservar a saúde das pessoas privadas de liberdade, dos familiares e amigos, bem como dos servidores que trabalham nos procedimentos para a realização das visitas nas Unidades de Internação e Internação Provisória”.

De acordo com a recomendação, deverão ser mantidas as demais rotinas que envolvem o funcionamento dessas unidades, em conformidade com a jornada pedagógica estabelecida. O documento determina ainda que os diretores das unidades de internação e internação provisória que realizem, em conjunto com os profissionais de saúde e sob a supervisão da Coordenação de Políticas e Atenção à Saúde de Jovens e Adolescentes – COORPSAU, atividades de conscientização para os servidores e para os adolescentes privados de liberdade, a fim de orientar quanto à prevenção de contaminação com o coronavírus.

Informações da agência Brasília

Continue Lendo

Redes Sociais

21,963FãsCurtir
0SeguidoresSeguir
0InscritosInscrever
- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

- PUBLICIDADE -