- PUBLICIDADE -

O ASSUNTO É

Surdolimpíadas: handebol feminino conquista bronze e faz história

A Seleção Brasileira Feminina de Handebol fez história na 24ª edição das Surdolimpíadas de Verão. Com uma imponente vitória de 24 a 15 sobre o Quênia, as meninas do Brasil conquistaram a primeira medalha da história da modalidade em uma competição olímpica. O Ginásio Poliesportivo da Universidade da cidade gaúcha de Caxias do Sul recebeu grande público que apoiou a equipe do início ao fim.

O começo da partida foi bem equilibrado e, até os cinco primeiros minutos, as quenianas estavam na frente. A partir dos 10 minutos, o Brasil se acertou em quadra e fez valer a superioridade técnica e física. O Quênia tentou reagir no início da segunda etapa, mas as brasileiras conseguiram manter boa vantagem e confirmaram a vitória nos 10 minutos finais.

A artilheira do Brasil, Fernanda Coporal, disse que esperava uma boa apresentação da equipe nesta Surdolimpíada. “Treinamos bastante, mesmo quando era necessário treinar a distância. Sabíamos que poderíamos chegar longe. Conseguimos a medalha, estou muito feliz e fico até sem palavras. Agora é o momento de descansar e reencontrar a família.”

Com medalha de bronze no handebol e no futebol feminino, já que o Japão desistiu de competir, o Brasil chegou a seis bronzes no total no quadro geral de medalhas, superando as cinco medalhas conquistadas na Surdolimpíada de 2017, na Turquia.

Fonte: Agência Brasil

- PUBLICIDADE -

Últimas

- PUBLICIDADE -

Continue Lendo
Relacionadas

Com apoio de R$ 11 milhões do GDF, escolas de samba se preparam para 2023

Ações como o Edital de Apoio das Atividades Carnavalescas...

Metrô fecha neste domingo (12) para manutenção corretiva

Operação será suspensa temporariamente para troca de equipamento localizado...

Igrejas reconhecem empenho do governo em atender demandas

Padres de Taguatinga, Ceilândia e Samambaia se reúnem com...