- PUBLICIDADE -

O ASSUNTO É

Nasce primeiro bebê do Hospital Estadual do Centro-Norte Goiano

Nasceu, às 5h20, dessa sexta-feira (13/5), no Hospital Estadual do Centro-Norte Goiano (HCN), em Uruaçu, o primeiro bebê do novo centro obstétrico para parto normal e de condução cirúrgica, estrutura inaugurada na última segunda-feira (9/5), pelo governador Ronaldo Caiado.

O recém-nascido, chamado Emanuel, nasceu de parto normal e é filho de Katiliane Faria Anicésio Silva e de Paulo Sérgio Pereira da Silva, ambos cidadãos de Uruaçu, onde formaram família e tiveram uma primeira filha, e agora, proveniente desta união nasce o segundo filho, cujo nome significa “Deus Conosco”. A família conta que não esperava o parto para essa sexta-feira, mas que está muito feliz. “Agradecemos o atendimento e estamos encantados com a estrutura e recepção da equipe”, afirmou o orgulhoso pai, Paulo Sérgio.

Em 9 de maio, o HCN ganhou dez Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) Neonatal, cinco Unidades de Cuidados Intensivos Neonatais (Ucins), uma maternidade com 30 leitos e um centro obstétrico para parto normal e de condução cirúrgica.

De acordo com o diretor-geral do HCN, João Batista da Cunha, os leitos atendem demanda de cerca de 50 municípios da região, sendo o maior centro de referência de medicina no Centro-Norte do Estado. “A unidade de saúde dispõe de tecnologia e atendimento especializado para moradoras da região e seus respectivos bebês, permitindo que gestantes de gravidez de risco não precisem mais se deslocar para a capital do Estado, mas que sejam atendidas próximas aos seus locais de residência”, explicou o diretor.

Regionalização

A ampliação da unidade surge como uma forma de garantir a saúde das gestantes da região Centro-Norte goiano, que terão no HCN um perfil assistencial de atendimento a casos de alta complexidade. Os novos setores do hospital funcionam em forma de circuito. Neles, as mulheres têm assistência durante a gestação, no parto e após o nascimento do filho. Trata-se de mais um passo no processo de regionalização da saúde promovido pela atual gestão.

As pacientes e os bebês são assistidos por uma equipe multiprofissional, composta por pediatras, ginecologistas, neonatologistas, cirurgiões pediátricos, fonoaudiólogos, fisioterapeutas, enfermeiros e técnicos de enfermagem. Ainda, há possibilidade de realização de exames, tudo por meio do Sistema Único de Saúde (SUS).

Balanço

O HCN foi inaugurado em março do ano passado, para atendimento exclusivo de pacientes com Covid-19, e iniciou os atendimentos gerais no final de novembro. Neste último período, foram realizados 4,5 mil atendimentos em pronto-socorro e 7,2 mil consultas. O índice de satisfação dos pacientes é de 97%.

Atualmente, o hospital tem 247 leitos ativos, e a expectativa é ampliar para 307. A próxima etapa, prevista para julho, contará com a instalação de uma ala para tratamento de câncer. O serviço de oncologia terá 36 leitos e 24 postos de atendimento à quimioterapia.

Fonte: Secretaria de Estado da Saúde (SES)

Fonte: Portal Goiás

- PUBLICIDADE -

Últimas

- PUBLICIDADE -

Continue Lendo
Relacionadas

Com apoio de R$ 11 milhões do GDF, escolas de samba se preparam para 2023

Ações como o Edital de Apoio das Atividades Carnavalescas...

Metrô fecha neste domingo (12) para manutenção corretiva

Operação será suspensa temporariamente para troca de equipamento localizado...

Igrejas reconhecem empenho do governo em atender demandas

Padres de Taguatinga, Ceilândia e Samambaia se reúnem com...