15.6 C
Distrito Federal
quarta-feira, 23 junho, 2021 - 00:22 AM

Vigilância Sanitária faz inspeção em peixarias da Feira do Guará

Até 18 de abril, a vistoria vai acontecer em 150 estabelecimentos comerciais

A equipe de Vigilância Sanitária da Secretaria de Saúde fez, nesta sexta-feira (12), uma fiscalização em duas peixarias da Feira do Guará. A visita faz parte da Ação de Páscoa, iniciada na semana passada, e que, até 18 de abril, pretende vistoriar, pelo menos, 150 estabelecimentos, entre feiras, comércio local, supermercados e hipermercados.

“As visitas estão sendo feitas por equipes de 22 núcleos de inspeção, em todas as regiões administrativas do Distrito Federal. Os agentes, a princípio, dão as orientações e um prazo para as adequações. Depois, retornam ao estabelecimento para ver se foram feitas as mudanças”, explica o gerente de Fiscalização da Vigilância Sanitária, Leonardo Correa.

RECOMENDAÇÕES – Ele diz, ainda, que caso o local não tenha feito as alterações solicitadas, é autuado ou, ainda, interditado. No ano passado, 16 estabelecimentos foram intimados a corrigir irregularidades, mas nenhum foi fechado ou autuado.

Na visita desta sexta-feira, nada de irregularidades. Apenas pequenas observações, fáceis de serem resolvidas. Para o dono de uma das peixarias, a fiscalização é importante para atestar aos clientes a qualidade dos produtos. “Estamos sempre atentos às normas, não somente perto da Semana Santa, mas durante o ano inteiro”, assegura Gustavo Oliveira.

QUALIDADE – “Em geral, as peixarias do Distrito Federal mantêm-se dentro dos padrões de qualidade”, diz o gerente de Alimentos da Vigilância Sanitária, André Godoy.

Ele observa que os problemas mais comumente encontrados estão na refrigeração, na origem do peixe e nas boas práticas de higiene. “O peixe é o mais perecível dos perecíveis. Por isso, é preciso ter muito cuidado com o armazenamento. Devem estar a uma temperatura perto de zero grau”, explica Godoy.

Os agentes da Vigilância observam, ainda, se os funcionários estão paramentados de forma correta, se os peixes e outros frutos do mar estão em boa qualidade e também verificam a câmera fria. “Normalmente, os peixes da vitrine são os mais bonitos. Precisamos ver, com mais rigor, os que estão guardados”, alerta.

Alline Martins, da Agência Saúde

Continue Lendo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Redes Sociais

22,042FãsCurtir
0SeguidoresSeguir
0InscritosInscrever
- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

- PUBLICIDADE -